Ser subserviente

Nos tempos actuais muitas pessoas, sobretudo mulheres, ainda têm tendência para ser subservientes, por uma questão de educação ou porque só tiveram como modelo esse padrão de comportamento.

Infelizmente, a subserviência exige tempo, energia e a longo prazo pode desencadear ansiedade e depressão. É impossível agradar a toda a gente, por muito que nos esforcemos, além disso, não podemos desejar que todas as pessoas gostem de nós.

Identifique se tem alguns destes comportamentos subservientes:

  • Coloca as necessidades dos outros acima das suas.
  • Guarda a sua opinião para si porque pensa que incomoda os outros.
  • Diz que sim a todos os pedidos.
  • Sente-se culpada quando diz não.
  • Sente-se egoísta quando faz qualquer coisa para si própria.
  • Reprime emoções porque receia que, se as expressar, incomodará os outros.
  • Parece feliz quando não está.
  • Evita o confronto.

Se se identificou com alguns comportamentos,  é tempo de  reflectir sobre como pode mudar o seu comportamento.Ser subserviente, não é um comportamento saudável, ao permanecer em  sintonia às necessidades reais ou percepcionadas dos outros, esquece-se das suas próprias necessidades,  agindo contra os seus próprios interesses. Comece aos poucos, manifestando as suas opiniões, ou dizendo não, a um pequeno favor. Expresse algumas das suas emoções em vez de as reprimir. Principie a colocar  as suas necessidades em primeiro lugar.

Um dia feliz!

ec46a56cc62ca649c6f25671f84879c9

Imagem: via

Maria José

[Read more…]

%d bloggers like this: